Caso da Boeing é alerta para a “dificuldade de aceitação dos autónomos”

mercedes-cooperative-car--2341035bce6fe2403d2d13275bb1db181e7c1886

Prestes a deixar o cargo de CEO da Daimler, o alemão Dieter Zetsche apontou aquele que será um dos grandes desafios da indústria automóvel nos anos vindouros, sobretudo com a implementação da tecnologia de condução autónoma. Dando como exemplo o caso de investigação aprofundada de que a Boeing está a ser alvo pelos problemas com o 737 Max, Zetsche refere que estas situações tornam a aceitação da tecnologia mais difícil por parte da sociedade. Os problemas que se verificaram recentemente com os aviões 737 Max da Boeing já causaram grandes prejuízos à gigante da aeronáutica, obrigando a uma investigação exaustiva […]

Ler mais em www.motor24.pt

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Mário Centeno 
(EPA-EFE/PATRICIA DE MELO MOREIRA)

Lentidão nos reembolsos fazem disparar IRS em plena crise

Fotografia: José Sena Goulão/Lusa

Costa. Plano de rotas da TAP “não tem credibilidade”

Fotografia: Pascal Pavani/AFP

Boeing e Airbus investigam formas de evitar contágio nos aviões

Caso da Boeing é alerta para a “dificuldade de aceitação dos autónomos”