Mobilidade elétrica vai criar 200 mil postos de trabalho até 2030

3-dae241eef971fed02b40c96ff4bde40aa58d2a5c

A mobilidade elétrica vai criar, até 2030, mais do dobro de novos empregos que o número que será perdido com o desaparecimento dos automóveis com motores de combustão interna. A mobilidade elétrica tem o potencial de criar mais do dobro de novos empregos que o número que será perdido com o desaparecimento dos automóveis com motores de combustão interna. Essa é a principal conclusão de um estudo da Associação Europeia de Instaladores Elétricos (European Association of Electrical Contractors) sobre o impacto no emprego resultante de uma mudança para veículos elétricos. Os principais beneficiários serão pessoas que trabalham para PME. Distribuição […]

Ler mais em www.motor24.pt

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Caixa Geral Depósitos CGD Juros depósitos

Caixa perdeu 1300 milhões com créditos de grandes devedores

Ursula von der Leyen foi o nome nomeado para presidir à Comissão Europeia. (REUTERS/Francois Lenoir)

Parlamento Europeu aprova Von der Leyen na presidência da Comissão

Christine Lagarde, diretora-geral demissionária do FMI. Fotografia: EPA/FACUNDO ARRIZABALAGA

Christine Lagarde demite-se da liderança do FMI

Outros conteúdos GMG
Mobilidade elétrica vai criar 200 mil postos de trabalho até 2030