Vende-se este carro de 1000 km/h com 54.000 cv de potência

Ian Warhust abandona o projeto Bloodhound LSR e procura novo dono para o carro com motor de avião para bater o recorde de velocidade em terra.

O Bloodhound LSR, com o seu motor de avião, ajudado por uma enorme turbina montada na cauda para galgar terreno qual míssil terrestre, está à venda. O supersónico britânico capaz de chegar a 1.011 km/h, marca que atinge em 50,1 segundos, está a ser desenvolvido para superar o atual recorde de velocidade terrestre, fixado em incríveis 1.227,98 km/h, almejando a marca histórica de 1.000 mph (1.609 km/h), mas não sob o comando de Ian Warhurst. O empresário britânico está preparado para abandonar o projeto de altos e muitos baixos, tendo colocado à venda a sua posição na Grafton LSR Ltd., a companhia que detém o Bloodhound LSR. Se um novo dono não for encontrado, o candidato ao estatuto de mais rápido do mundo ficará pelo caminho.

O Bloodhound está equipado com o motor a jato EJ200, concebido para a Rolls-Royce para o caça-bombardeiro Typhoon, a produzir 9 toneladas de impulso - o equivalente a cerca de 54.000 cavalos de potência e 90.000 Nm. Contudo, e apesar dos números avassaladores, nesta fase do projeto o carro a jato britânico ainda necessita de vários melhoramentos. Em declarações à Autocar, Warhust explicou que será necessário um investimento a rondar os 10 milhões de euros só para ultimar a preparação do carro para a tentativa de recorde.

"O desafio será encontrar alguém que faça o que eu fiz há dois anos, alguém que adquiria o controlo do que acontecerá a seguir ao Bloodhound. É bem diferente de ser apenas um patrocinador", afirmou, antes de completar em jeito de desabafo: "Eu investi aquilo que quis - bastante mais do que pensei fazer. A ideia foi provar que a coisa pode funcionar, e depois garantir os patrocínios que podiam tornar o projeto possível, mas não aconteceu. A Covid-19 tornou a vida muito complicada".

Para saber mais clique aqui: www.motor24.pt

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de