Opinião

Liderança aos olhos da Sétima Arte

Cinema voltam a abrir
Cinema voltam a abrir

Liderança e desenvolvimento de pessoas, flexibilidade, espírito colaborativo, resiliência, criatividade, inovação e problem solving são algumas das competências mais valorizadas num colaborador. Segundo um estudo da Delloite relativamente aos fatores mais críticos para o sucesso de uma empresa, 76% das respostas focaram o desenvolvimento da liderança. Num outro estudo realizado pela KPMG, 91% dos inquiridos consideraram que os líderes não possuem um constante alinhamento com a visão e valores da empresa e 70% acreditam que poucos líderes são vistos como justos e inspiradores.

Sendo uma apaixonada por cinema, considero que a sétima arte, além de divertir e emocionar, pode ajudar profissionais de diferentes áreas a desenvolver estas e outras competências, aplicáveis no dia-a-dia de trabalho. Por isso, selecionei alguns filmes que retratam líderes memoráveis ou situações para nos inspirar – mesmo nos dias mais difíceis – e que podem agregar valores positivos à nossa carreira.

Clube dos Poetas Mortos – O filme traz a história de um professor de inglês, que se torna a nova aquisição de um prestigiado corpo docente de uma escola. Contudo, ele mostra-se diferente e foge às tradições, regras e padrões rígidos do colégio, mostrando aos alunos que eles devem refletir, questionar e formular as suas próprias ideias, em vez de escutarem e aceitarem no imediato.

Um verdadeiro líder não é temido por questões hierárquicas e instiga o pensamento crítico dentro da equipa, para além de procurar orientar e motivar quem está à sua volta, permitindo que todos cresçam e evoluam em conjunto. O líder deve entender que é muito mais eficaz se contar com a inteligência coletiva da sua equipa.

Apollo 13 – Esta história, baseada em factos reais, aborda a liderança do capitão da missão rumo à lua, interpretado por Tom Hanks, assim como o trabalho da equipa de três homens dentro da cápsula espacial para salvar a missão. A comunicação entre a equipa na nave e a equipa em terra, foi crucial. Sem uma comunicação eficaz e processos bem definidos, a colaboração entre as duas equipas teria sido impossível.

Um líder apoia e facilita o trabalho delegado à equipa. Aliás, uma definição muito atual de liderança é a “facilitação” do trabalho em equipa. Facilitar é apoiar nos desafios encontrados, garantir a comunicação entre os elementos da equipa, desenvolver formas de integrar as equipas para aproveitar mais sinergias, dar feedback, etc.

Ocean’s Eleven e Fast and furious – Lembrei-me destes filmes pelo excelente trabalho de equipa e competências complementares dos membros da mesma. Ambos possuem um líder. No entanto, para executarem os roubos de carros, os líderes reúnem uma equipa de especialistas, que possuem competências complementares para conseguirem atingir o seu objetivo.

As equipas multidisciplinares são respostas eficientes das organizações à complexidade e à instabilidade do mercado atual. Ao permitirem que as suas estruturas de trabalho abriguem e correlacionem múltiplos saberes, as empresas tornam-se mais competitivas. A multidisciplinaridade não corresponde a uma mera soma de valores individuais. Na verdade, é fundamental que os profissionais comuniquem bem e estejam sintonizados em relação aos objetivos estabelecidos em conjunto. Com isso, é possível aumentar exponencialmente a importância da atuação dos líderes, pois a eles cabe conduzir a melhor interação entre as partes.

Karaté Kid – Esta é a história de Daniel San, um jovem que procura aprender karaté e, para isso, pede ajuda ao senhor Miyagi. Ao contrário do que Daniel imagina, o senhor Miyagi ensina-lhe muito mais do que técnicas de karaté, pois estimulava-o a descobrir as suas próprias respostas e todas as competências que ele possuía para se tornar um grande lutador.

Este filme é uma lição de coaching, visto que nos inspira a acreditarmos mais em nós mesmos e mostra que somos detentores das respostas que procuramos para tantas dúvidas da vida. Com ajuda do coaching, os profissionais conseguem conquistar o tipo de liderança mais valorizado do mercado: o líder coach. Este encara o dia-a-dia no trabalho como se fosse um processo de coaching, explicando, com objetividade e exemplos, o que espera da equipa. Conduz a sua gestão por meio do exemplo, pois o comportamento de seus liderados é o reflexo de suas próprias ações. O líder coach sabe o que quer, como comunicar e, assim, consegue comprometer todos no mesmo propósito. As suas atitudes são inspiração e servem de motivação para a equipa.

Monsters, Inc. – Os filmes infantis também nos podem motivar! Esta produção relata a história de Mike e Sulley, dois monstros que trabalham para uma companhia geradora de energia por meio dos gritos e sustos das crianças. Eles vêem-se numa situação de insegurança quando a empresa reduz os lucros, porque as crianças deixaram de se assustar. É nesse momento que Sulley conhece uma menina que o ajuda a descobrir uma nova fonte de energia que pode salvar o destino da organização.

O filme mostra a importância de incentivar a inovação e criação de ideias diferenciadas por parte dos colaboradores. Leva-nos a refletir que os líderes e gestores têm cada vez mais o desafio de transformar problemas em oportunidades, através da inovação e mudança de paradigmas organizacionais. Alguns aspetos que podemos observar e analisar, aquando a observação do filme de uma forma crítica, são a importância da comunicação e das relações interpessoais, a necessidade de feedbacks constantes e a definição de metas e processos claros.

Seja com estes ou outros filmes, inspire-se e inspire a sua equipa! Todos nós precisamos de fontes de inspiração e o cinema poderá ser uma opção!

Vanessa Cruz, Training Manager da GALILEU

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Casas em leilão

Selo sobre venda de casas deu num ano mais 50 milhões de euros ao Estado

Former U.N. chief Kofi Annan addresses an advisory commission in Sittwe, Myanmar, September 6, 2016. REUTERS/Wa Lone

Kofi Annan: O diplomata premiado pela defesa da paz

Carlos Saturnino, Sonangol.

( Filipa Bernardo/ Global Imagens )

Sonangol vai manter posições na Galp e no BCP

Outros conteúdos GMG
Liderança aos olhos da Sétima Arte