Revigorados pelas imensas potencialidades do GPL

GPL (gás de petróleo liquefeito) é a designação usual de misturas de hidrocarbonetos leves, na prática conhecidos por butano e propano. Uma definição que não explana, de todo, as valências deste combustível gasoso, com baixos níveis de emissão de carbono e milhares de aplicações.

A fonte de energia facilmente transportável, acessível e disponível em todo o mundo, tem acompanhado o quotidiano e o bem-estar de várias gerações, com todo o esmero e resiliência características. Num período particularmente desafiante, em que os portugueses mais precisavam de alguma previsibilidade, puderam contar com o setor.

Todos os dias, independentemente das circunstâncias, 50.000 profissionais entregam energia diretamente na casa e nos negócios dos portugueses, garantindo energia acessível, com a máxima comodidade.

Em narrativas pouco sustentadas em dados, tem-se tentado construir a insídia da obrigação da utilização desta fonte de energia por parte dos seus utilizadores, tanto na sua utilização doméstica, como industrial, transmitindo a falácia de que estão "reféns" deste combustível. De facto, esses discursos não compaginam, de todo, com a verdade, nem defendem a segurança energética do país. O mundo da eletrificação total tem revelado as suas fragilidades. Veja-se, por exemplo, o colapso energético no Texas, com uma corrida sem precedentes às garrafas de gás embalado.

Recentemente, no âmbito do projeto ECSI Portugal (European Customer Satisfaction Index - Portugal), foram apresentados os resultados da satisfação dos clientes nos mais diversos setores. Em comparação com outros serviços, o nível de satisfação dos clientes GPL é impressionante, concernente com a audácia do setor ao não conferir o rótulo de vetustez, num processo de melhoria contínua constante.

Não nos conformarmos com o epílogo que nos escreveram. Porquê? Porque acreditamos nas inúmeras potencialidades do gás GPL. Temos procurado um caminho que vá ao encontro das novas tendências de consumo, ao mesmo tempo que não deixamos nenhum agente para trás. Juntamente com os nossos parceiros, digitalizamos uma atividade com bastantes anos no mercado, através do lançamento da primeira plataforma de e-commerce para a comercialização de garrafas de gás embalado em Portugal.

Os consumidores estão, cada vez mais, exigentes e digitais, pelo que almejam, também eles, soluções que se coadunem com este novo paradigma. O QueroGás - plataforma que a Repsol lançou em fevereiro de 2021 - garante a máxima comodidade na entrega de um produto de primeira necessidade, através de um serviço totalmente digital, que evita o manuseamento de dinheiro. A disponibilidade 24 horas, sete dias por semana, permite aos consumidores planear, com total flexibilidade, a entrega da garrafa de gás.

O projeto, pioneiro no setor, estimula, também, a transição digital a uma série de pequenas e médias e empresas, que, juntamente com a Repsol, percorrem um caminho importante para a sustentabilidade do setor.

O revigoramento não incide apenas nos canais, mas também nas ferramentas de comunicação. Os mais jovens estão nas redes sociais, no Facebook e Instagram? Pois bem, vamos ao seu habitat natural comunicar a versatilidade do gás engarrafado e (re)ensinar as várias formas de utilização de uma fonte de energia com baixos níveis de emissão de carbono, segura, económica e, agora com o QueroGás, ainda mais cómoda.

Recorremos ao marketing de influência para explanar-lhes a mobilidade e usos que são possíveis com esta forma de energia, desde os domésticos - os mais tradicionais como o aquecimento e a cozinha -, às atividades ao ar livre, como campismo, a utilização dos grelhadores e os aquecedores de esplanada.

Revigorados pelas imensas potencialidades do GPL, continuaremos a levar esta fonte de energia à casa dos milhares de portugueses que dependem da nossa atividade para colmatar as suas necessidades energéticas, e, consequentemente, melhorar o seu dia-a-dia. Assim como no mercado empresarial temos hoje soluções adaptadas a cada setor de atividade, na agricultura, na indústria ou no turismo, onde podemos, de forma única, trazer competitividade aos nossos Clientes.

Diretor Comercial da Repsol Gás

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de