Entretenimento

Cristina Ferreira vai ganhar mais do que Balsemão

Cristina Ferreira, a protagonista de uma das maiores contratações da década da televisão portuguesa.
(Nuno Pinto Fernandes / Global Imagens)
Cristina Ferreira, a protagonista de uma das maiores contratações da década da televisão portuguesa. (Nuno Pinto Fernandes / Global Imagens)

Ao ganhar cerca de um milhão de euros por ano, Cristina Ferreira vai receber mais do que a soma dos salários dos administradores da dona da SIC.

É uma das maiores contratações da década na televisão portuguesa e não é só por meter ao barulho o nome de Cristina Ferreira. Com a mudança da TVI para a SIC, a apresentadora vai ganhar 80 mil euros por mês. A também empresária vai mesmo receber mais do que Francisco Pedro e Francisco Pinto Balsemão e mais do que toda a administração da estação de Carnaxide.

Ao levar para casa cerca de um milhão de euros por ano, Cristina Ferreira vai receber mais do que a soma dos salários dos administradores do grupo Impresa, que foi de 756 mil euros em 2017, adianta esta quinta-feira o jornal Correio da Manhã.

Leia também: O que se pode comprar com 1 milhão de euros (o salário de Cristina Ferreira)

E se olharmos apenas para pai e filho Balsemão, a diferença é ainda maior: em 2017, Francisco Pedro Balsemão, CEO da Impresa, recebeu 280 mil euros; o pai, Francisco Pinto Balsemão, ficou com 291 mil euros. A apresentadora nascida na Malveira vai receber mais do que o triplo dos seus patrões com a mudança para a SIC. Na TVI, ganhava 50 mil euros por mês.

A saída de Cristina Ferreira para a SIC foi confirmada na quarta-feira pela TVI, que não vai renovar o contrato, que expirava a 30 de novembro, e que já durava há 16 anos.

Na SIC, Cristina Ferreira deverá apresentar dois programas, um deles no horário da manha. Também será consultora executiva da direção-geral de entretenimento, reportando a Daniel Oliveira, o líder desta direção e responsável por uma das maiores contratações da década em Portugal.

Cristina Ferreira também conta com uma marca própria, que é nome de revista e de blog. A empresária também escreve livros, lançou uma marca de perfumes e outra de sapatos e ainda tem uma loja na Malveira, onde vive.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
António Mexia, presidente executivo da EDP. Fotografia: REUTERS/Pedro Nunes

Chineses da EDP não abdicam de desblindar estatutos. OPA quase morta

O dia, segunda-feira de Páscoa, prejudicou a concentração dos ex-operários junto à casa-mãe, a Miralago. Fotografia: Tony Dias/Global Imagens

Ex-operários tentam evitar saída de máquinas da Órbita

O secretário-geral do Sindicato dos Trabalhadores da Administração Pública (SINTAP), José Abrãao, numa manifestação. Fotografia: JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

FESAP. Inspetores do Estado podem ficar 10 anos sem progredir nas carreira

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Cristina Ferreira vai ganhar mais do que Balsemão