Famalicão disponibiliza mais de 13.500 horas de formação para 10 mil pessoas

Vila Nova de Famalicão, Braga, 18 jul (lusa) - Perto de 10 mil pessoas em idade ativa de Vila Nova de Famalicão vão beneficiar de mais de 13.500 horas de formação modelar certificada gratuita em áreas como têxtil, metalomecânica, alimentar ou línguas, entre outras, anunciou hoje a autarquia.

Vila Nova de Famalicão, Braga, 18 jul (lusa) – Perto de 10 mil pessoas em idade ativa de Vila Nova de Famalicão vão beneficiar de mais de 13.500 horas de formação modelar certificada gratuita em áreas como têxtil, metalomecânica, alimentar ou línguas, entre outras, anunciou hoje a autarquia.


Em comunicado enviado à agência Lusa, a Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão explica que a formação é dirigida a “cidadãos ativos (empregados e desempregados), com idade igual ou superior a 18 anos, sem qualificação adequada para inserção ou progressão no mercado de trabalho, ou que pretendam uma requalificação profissional”.


A formação modelar, disponível no biénio 2017/2018, está distribuída por 431 horas, e, aponta o texto, “vai de encontro às necessidades diagnosticadas no território pelo município, empresas e instituições educativas”, estando organizadas em áreas de como o têxtil e metalomecânica e o alimentar, Abrange ainda áreas mais abrangentes como iniciação de línguas, novas tecnologias e ‘marketing’, entre outras.


“A qualificação e a competência dos nossos recursos humanos são aspetos muito importantes para Famalicão. São condições decisivas para manter as nossas empresas, para atrair novos investidores e mais e melhor emprego”, diz o presidente da autarquia, Paulo Cunha, citado no referido comunicado.


As Formações Modulares Certificadas são organizadas em unidades de formação de curta duração, de 25 ou 50 horas, capitalizáveis para a obtenção de uma ou mais qualificações definidas no Catálogo Nacional de Qualificações.


As responsáveis pelas horas de formação são a Escola Profissional Forave, o CITEVE – Centro Tecnológico Têxtil e Vestuário, a CESPU – Cooperativa de Ensino Superior, Politécnico e Universitário, a ACIF – Associação Comercial e Industrial de Vila Nova de Famalicão, as entidades formadoras privadas GTI e Semet e o Cenfim, sediado na Trofa, que integram a Rede de Educação e Formação de Vila Nova de Famalicão.


Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Ilustração: Vítor Higgs

Indústria têxtil em força na principal feira de Saúde na Alemanha

O Ministro das Finanças, João Leão. EPA/MANUEL DE ALMEIDA

Nova dívida da pandemia custa metade da média em 2019

spacex-lanca-com-sucesso-e-pela-primeira-vez-a-nave-crew-dragon-para-a-nasa

SpaceX lança 57 satélites para criar rede mundial de Internet de alta velocidade

Famalicão disponibiliza mais de 13.500 horas de formação para 10 mil pessoas