Os 15 países que mais petróleo produzem

Todos temos a ideia de que os grandes produtores de petróleo são
os países do Médio Oriente. No entanto, essa ideia é apenas
parcialmente correta. A Arábia Saudita é o principal produtor de
petróleo do mundo (11,5 milhões de barris por dia em 2012). Mas há
outros dois países ocidentais estão quase ao mesmo nível de
produção. Quais? Os Estados Unidos (11,1 milhões) e a Rússia
(10,4 milhões).

Veja aqui a lista dos 15 maiores produtores desde 2008

1. Arábia Saudita: 11,546 milhões de barris por dia

2. EUA: 11,096

3. Rússia: 10,397

4. China: 4,416

5. Canadá: 3,868

6. Irão: 3,538

7. Emirados Árabes Unidos: 3,213

8. Iraque: 2,987

9. México: 2,936

10. Kuwait: 2,797

11. Brasil: 2,656

12. Nigéria: 2,524

13. Venezuela: 2,489

14. Noruega: 1,902

15. Algéria: 1,875

Note-se que, em geral, os níveis de produção de crude são
bastante estáveis, mas há duas exceções: Nos últimos cinco anos,
os EUA subiram a sua produção nuns impressionantes 30%; por outro
lado, o Iraque, país invadido pelos americanos há mais de cinco
anos, também subiu a sua produção nuns notáveis 25%. A Argentina
está em 25.º lugar na lista dos maiores produtores de petróleo,
com uma queda de 8% desde 2008.

Ora bem: e o que sabemos sobre o consumo de petróleo? Numa
segunda tabela que pode ver aqui, vemos claramente a razão pela qual
os EUA consideram o petróleo um recurso estratégico: o seu voraz
consumo equivale ao dobro do consumo total da China, segundo país do
ranking!

Os três primeiros consumidores são:

1. EUA: 18,555 milhões de barris por dia em 2012

2. China: 9,324

3. Japão: 4,729

(Veja aqui a lista dos 15 maiores consumidores)

Se dúvidas existiam, os números mostram que os Estados Unidos
têm uma necessidade vital de petróleo. Pelo que, além da retórica
usada ao longo dos anos, não devemos surpreender-nos com os motivos
da sua ingerência política e militar nos países do Médio Oriente.

Alguns comentários adicionais: à exceção da Rússia, os
chamados BRIC (Brasil, Rússia, Índia e China) tiveram um
crescimento no consumo de petróleo de aproximadamente 25%. Note-se
ainda que o défice energético da Argentina tem vindo
maioritariamente pelo lado do consumo – que aumentou uns 20%
enquanto a produção caía 8%.

Por último, que país pode ser um produtor potencialmente muito
maior do que é agora? Ou dito de outro modo: Que país tem mais
reservas provadas de petróleo? Quem pensou na Arábia Saudita
enganou-se. Descobertas recentes na Venezuela posicionam o país com
o maior nível de reservas provadas do mundo, tendo subido mais de
200% nos últimos cinco anos (ver aqui a lista completa).

Mas isto tem consequências: A controversa vitória de Maduro nas
recentes eleições venezuelanas dá a Obama a desculpa perfeita para
lançar uma ofensiva política mais enérgica. Inclusivamente, isso
poderia justificar uma eventual intervenção militar futura. Com
tantas reservas de petróleo, Maduro devia preocupar-se em ter a
aprovação dos EUA.

Ainda que nada indique que isto pode acontecer num futuro próximo,
abundam os exemplos de casos em que os Estados Unidos atuaram para
assegurar recursos estratégicos.

Gestor de ativos

Escreve à segunda-feira

www.cartafinanciera.com

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Johnny Depp está a desfazer-se da sua colecção de arte.

Johnny Depp vende obras de arte

Mário Centeno, ministro das Finanças. Fotografia: MÁRIO CRUZ/LUSA

Governo chega a meio do ano sem folga no défice

Fotografia:EPA/MADE NAGI

Cinco hotéis em Portugal para apanhar os Pokémon

Luís Palha da Silva, presidente do Conselho de Administração da Pharol Fotografia: Diana Quintela/Global Imagens

Mudanças na administração da Pharol

Fotografia: Jorge Amaral / Global Imagens

Estes são os 10 melhores spots de surf do mundo. Um deles é português

um horário de trabalho mais reduzido é sinónimo de uma vida mais saudável (70%) Fotografia: REUTERS/Neil Hall

Trabalhar mais de 40 horas? A resposta dos portugueses

Conteúdo Patrocinado
Os 15 países que mais petróleo produzem