Infografia

Tráfego portuário cresce em Sines, Aveiro e Leixões

Os portos de Portugal Continental movimentaram 81,6 milhões de toneladas de carga em 2015, um aumento homólogo de 8,2%, e o mais elevado de sempre.

O crescimento do tráfego de mercadorias em Sines (mais 17,5% em relação ao período homólogo), conjugado com os aumentos verificados em Aveiro (3,5%) e Leixões (5,4%) são suficientes para compensar as descidas nos restantes portos de Portugal continental.

PORTOS DE CARGA-02 PORTOS DE CARGA-03

O mercado portuário português acentuou ainda a concentração de movimentação de carga no porto de Sines, responsável por quase metade (49,3%) de todas as cargas e descargas de mercadorias, e com especial relevância para o segmento granéis líquidos, já que é neste porto que é importado o petróleo bruto para a refinaria da Galp Energia.

PORTOS DE CARGA-04

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Visita de Angela Merkel à Bosch, em Braga. A chanceler alemã foi
acompanhada pelo primeiro-ministro, António Costa.
Fotografia: Artur Machado/ Global Imagens

O país aguenta uma nova crise? Agências de rating divididas

Lisboa, 19/7/2019 - Eduardo Marques, Presidente da AEPSA- Associação das Empresas Portuguesas para o Sector do Ambiente-  uma associação empresarial, criada em 1994, que representa e defende os interesses coletivos das empresas privadas com intervenção no setor do ambiente,
(Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Eduardo Marques. “Há um grande espaço para aumentar as tarifas da água”

Fotografia: Gleb Garanich/ Reuters.

Greve: Ryanair diz que não houve cancelamento de voos esta manhã

Outros conteúdos GMG
Tráfego portuário cresce em Sines, Aveiro e Leixões