formação

Quadros do grupo Volkswagen em Portugal aprendem a ser líderes

(Fotografia cedida pelo ISEG)
(Fotografia cedida pelo ISEG)

Trabalhadores de sete empresas do grupo alemão em Portugal estão a realizar formação de 70 horas em parceria com o ISEG.

Centenas de quadros intermédios do grupo Volkswagen em Portugal estão a aprender a ser líderes. Esta formação está a decorrer desde 31 de janeiro e resulta de uma parceria entre a Volkswagen Group Services e o ISEG. Envolve funcionários das empresas Volkswagen Financial Services, SEAT Portugal, Volkswagen Digital Solutions, Volkswagen Group Services, a academia de formação ATEC, a empresa de sofitware VTXRM e a MAN Truck & Bus

O programa “Creating Future Leaders” tem uma duração de 70 horas e aborda temas como a gestão, negociação, finanças, liderança, gestão de RH e gestão de mudança.

O objetivo é “pensar fora da caixa e partilhar experiências de diferentes áreas de atuação dentro do Grupo VW, aproximando os profissionais das várias empresas. Reunimos participantes oriundos de contextos de RH, Engenharia, IT, Vendas, Desenvolvimento de Negócio, RP e Finanças das empresas do grupo em Portugal e esta iniciativa permitiu-nos conhecer melhor os planos de desenvolvimento de quadros das diferentes empresas e as suas necessidades”, refere João Sousa, Executive Director da Volkswagen Group Services em Portugal, citado em nota de imprensa.

“O networking e troca de experiências que acontece durante a formação é um catalisador para uma maior interação no futuro entre as várias organizações, proporcionado novas oportunidades tanto na vertente de novos projetos como na resolução de problemas. O nosso grande foco está na adaptação de todo o conceito, metodologia e formato de aprendizagem, combinando as novas tendências como a tecnologia, a inovação e a socialização com o dinamismo e exigência dos profissionais e das organizações atualmente”, detalha Jéssica Carvalho Cunha, diretora de programas internacionais do ISEG.

As empresas do grupo VW em Portugal dão emprego a perto de 10 mil pessoas.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
coronavirus turismo turistas

ISEG. Recessão em Portugal pode chegar a 8% este ano

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho. JOÃO RELVAS/LUSA

Pedidos de lay-off apresentados por 33.366 empresas

coronavirus lay-off trabalho emprego desemprego

Rendimento básico incondicional? “Esperamos não ter de chegar a esse ponto”

Quadros do grupo Volkswagen em Portugal aprendem a ser líderes