Câmbio

À boleia da valorização do euro: onde quer ir de férias?

Pamukkale é uma das maiores atrações da Turquia
Pamukkale é uma das maiores atrações da Turquia

O valor do euro pode dar uma ajuda na escolha das férias. São várias as hipóteses onde o câmbio está hoje mais generoso que há um ano

O euro pode ser o melhor amigo de quem se prepara para gozar férias. A valorização da moeda única ainda se verifica no rescaldo da votação dos britânicos para deixarem a União Europeia, mas está longe de se refletir apenas no câmbio com a libra.

A moeda utilizada em Portugal está mais competitiva em relação a zonas como o México, Egipto, África do Sul ou Turquia, mostram as contas da Ebury, instituição financeira especializada em pagamentos internacionais.

Há um ano, o euro valia 0,702 libras; hoje está em 0,845, mais 20,37%. Não é só. Em relação ao peso mexicano, a moeda da zona euro está 19,2% mais valiosa, equivalendo hoje 21,1 pesos.

Veja como desligar nas férias

Países como Egipto, África do Sul e a Turquia também estão entre os que mais embarateceram graças ao câmbio. A libra egípcia desvalorizou mais de 16% face ao euro em apenas 12 meses e agora negoceia em torno das 9,92 unidades face às 8,55 de agosto do ano passado.

O rand sul-africano, por sua vez, perdeu 11,43% do seu valor. Um euro vale agora 15,6 unidades desta moeda africana; já a moeda turca perdeu 10,2% face ao euro e 1 euro vale agora 3,35 liras.

Mas nem todos os destinos são vantajosos para carteiras cheias de euros. Viajar para a Nova Zelândia, por exemplo, sai hoje 6,63% mais caro. Em agosto de 2015 compravam-se 1,66 dólares neozelandeses com um euro; agora compram-se 1,55.

O mesmo acontece com a Austrália, onde a perda foi de 1,53% – compram-se hoje 1,477 dólares australianos por um euro; antes eram 1,5.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O presidente do Conselho Geral e de Supervisão da ADSE, João Proença, durante a sua audição na Comissão de Saúde, na Assembleia da República, em Lisboa, 27 de fevereiro de 2019. MÁRIO CRUZ/LUSA

ADSE já enviou novas tabelas de preços aos privados para negociação

Mario Draghi, Presidente do Banco Central Europeu. REUTERS/Kai Pfaffenbach

BCE discutiu pacote de medidas para estimular economia na reunião de julho

Hotéis de Lisboa esgotaram

“Grandes” eventos impulsionaram aumento dos preços na hotelaria em junho

Outros conteúdos GMG
À boleia da valorização do euro: onde quer ir de férias?