Coronavírus

CUF vai fazer consultas à distância

Salvador de Mello, presidente do grupo José de Mello. Fotografia: Paulo Spranger/ Global Imagens
Salvador de Mello, presidente do grupo José de Mello. Fotografia: Paulo Spranger/ Global Imagens

Salvaguardar doentes e profissionais é o objetivo. Medicina Geral e Familiar, Medicina Interna e Pediatria já estão em funcionamento.

O grupo CUF acaba de lançar um sistema de consultas sem sair de casa, reduzindo a possibilidade de contágio de doentes e profissionais de saúde. “No contexto da pandemia Covid-19, e por forma a garantir uma resposta cada vez mais eficaz às necessidades da população, a partir desta terça-feira, dia 24 de março de 2020, a CUF passa a disponibilizar a opção de teleconsulta, por videoconferência, aos médicos da sua rede, de norte a sul do país”, informou a José de Mello Saúde.

A opção de teleconsulta estará disponível nas várias especialidades, para todas as situações compatíveis com a prestação de cuidados de saúde à distância, explica o grupo, especificando essa possibilidade para as especialidades de Medicina Geral e Familiar, Medicina Interna e Pediatria desde o arranque desta funcionalidade.

A José de Mello explica que a marcação de teleconsultas poderá fazer-se através do site, da app My CUF ou por telefone, “canais através dos quais os clientes poderão consultar se o seu médico se encontra disponível nesta modalidade”. Para poderem realizar uma teleconsulta, os clientes devem assegurar que têm um dispositivo com câmara e microfone (smartphone, tablet ou computador) e ligação à internet.

Os clientes passam a poder marcar consultas em telemedicina para os médicos disponíveis nesta opção “e mantêm a possibilidade de agendar consultas urgentes e importantes de forma presencial, após validação do seu médico”, explica-se.

Foi a forma encontrada pela CUF para melhor responder às necessidades dos doentes, face à atual situação de emergência de saúde pública. “A CUF está empenhada em desenvolver soluções que permitam uma resposta cada vez mais eficaz às necessidades dos seus profissionais, doentes e familiares”, comunica o grupo. “A disponibilização do serviço de teleconsultas revela-se, nesse sentido, uma ferramenta valiosa para assegurar a continuidade dos cuidados aos doentes habitualmente seguidos nas unidades CUF, para todos os casos em que a mesma seja clinicamente adequada.”

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Foto: EPA/PATRICK SEEGER

Bruxelas dá luz verde a Banco Português de Fomento

(João Manuel Ribeiro/Global Imagens)

Clientes com mais de 10 mil euros no BCP começam a pagar comissão

Centenas de turistas visitam todos os dias os jardins do Palácio de Cristal, no Porto. Fotografia: Leonel de Castro/Global Imagens

FMI: Portugal com perdas acima de 2% do PIB devido à quebra no turismo

CUF vai fazer consultas à distância