Pedro Ferraz da Costa, presidente do Fórum para a Competitividade

"PRR pode reforçar distorções no mercado e criar elefantes brancos"

Pedro Ferraz da Costa, líder do Fórum para a Competitividade, lamenta a falta de visão de futuro e de ambição para o país. E não vê mudança com este governo, preso à esquerda, e sem uma reorganização da direita. Critica o alarmismo na gestão da pandemia e diz que é essencial rever a matriz de risco e dar menos palco a "especialistas". Imprevisibilidade, burocracia e justiça lenta e em constante mudança são "empecilhos à atividade económica".